As amizades e as @mizades 5



Amizade é uma coisa inesperada e engraçada né? Começando pela forma que estas amizades começam. Algumas amizades iniciada a anos atras e outros conhecemos a pouco tempo. Alguns são vizinhos, outros amizades que iniciaram na época escola ou trabalho e alguns que conhecemos graças Deus, e as à tecnologia e as redes sociais.

Há amigos e @migos!
E esse é o assunto de hoje aqui no blog.

Certa vez li uma coluna da jornalista Gabi Chanas que falou sobre o assunto (infelizmente não está mais online) e o Facebook a pouco tempo me lembrou do texto, já que eu fiz questão de compartilhar e marcar os amigos da época.

E as vezes infelizmente aqueles amigos que juramos que seria amizade eterna, seguiu o percurso de suas vidas e se afastaram, não que o carinho e o amor não mais exista, mas sim que os interesses mudaram já que a vida é sempre uma surpresa: namoro, casamento, novos amigos, novo trabalho, e por aí vai.

Eu também mudo e vou mudar ainda mais, mas eu espero que a vida me traga sempre novos amigos em que eu possa contar. E que os velhos permaneçam!

Entendo que o ritmo de nossas vidas não permite ver meus amigos todos os dias, mas saber que posso contar com quem não falo há semanas ou meses reconforta meu coração.

Mas o que nunca consegui aceitar aquela frase: “bom mesmo é aquela amizade que passa meses sem se falar, e quando se encontra tudo continua a mesma coisa, e o melhor sem cobranças”. Sério isso? Que tipo de amizade é essa que quando você precisa de alguém e ela não está lá?

Espero eu, que quando a coisa apertar que possa ter aquele amigo que estará lá para me apoiar. Independente do tempo e de como nos conhecemos.

Amizade pra mim é “presença”, mesmo que online. Amizade pra mim é saber que aquele amigo moverá montanhas para te apoiar, com um abraço ou com uma palavra de conforto.

A amizade é algo engraçado, do mesmo jeito que aparecem, elas se vão, ou não. Mas além disso, e citando Gabi Chanas: – “O segredo da amizade dos tempos modernos é cultivar os virtuais, mas saber que entre eles existe um grupo seleto que vai te ajudar mesmo se wifi cair, se não tiver dados de internet ou se a bateria acabar”.

Agradeço a todos que passaram na minha vida, e mesmo que não possam estar por aqui tanto quanto eu gostaria mas que por algum momento me mostrou que há motivos para sorrir.

Agradeço a todos que ficaram, e mesmo que por algum momento possa ter havido desentendimentos ou eu não possa ter sido o amigo que vocês esperava.

Agradeço as amizades virtuais que por muitos momentos substituem o abraço, o conforto e a presença dos amigos mais achegados que por algum motivo estão ausentes.

Uma coisa é certa, eu amo vocês!

PS: muitos e muitos não aparecem nas imagens, mas espero corrigir aos poucos. Então, nada de ciumes, ok?!



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 pensamentos em “As amizades e as @mizades