Crônica: A dor…



Aquela dor que não se explica, que se sente

Aquele sentimento inevitável, que não sai

Mesmo depois de horas de alegria e descontração.

Aquela  dor que ninguém entende, e pensam

que estou exagerando, ou que sou muito fresco.

Aquela terapia, aquela consulta, aqueles remédios,

que ainda preciso, e às vezes pareço não aguentar mais.

Daí é aquele desejo de acabar com tudo, mas que de fato não é a solução.

Imagem: http://www.escolapsicologia.com/aceitacao-um-elemento-chave-na-formula-da-positividade/

Imagem: http://www.escolapsicologia.com/aceitacao-um-elemento-chave-na-formula-da-positividade/

Não que não tenha direito de lamentar enquanto ainda estou sofrendo,

por uma doença invisível, e sim que posso ter certeza dias de ser feliz chegarão.

Dias para sorrir, dias melhores por aí.

Persista!


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *