Regulamentação do Uber em Goiânia 1



Veja que legal gente, a Prefeitura de Goiânia publicou o Decreto 2890 / 2017, que detalha algumas das obrigações regulatórias específicas para as empresas de aplicativo, como a Uber, e os motoristas parceiros.

Esta segunda, a Uber entregou à Secretaria Municipal de Trânsito e de Transporte o Pedido de Credenciamento, demonstrando o comprometimento da empresa em relação ao cumprimento dos requisitos estabelecidos no Decreto.

A partir do credenciamento, será possível ver em cada recibo digital de viagem um novo item, chamado “Taxa Municipal”. Um adicional de R$ 0,10 por km será cobrado por viagem e repassado à Prefeitura de Goiânia.

Por exemplo, uma viagem de 5,3 km (como da Praça Cívica ao Shopping Flamboyant), que custa em média R$ 10,90, passará a custar R$ 11,43 compostos da seguinte maneira:

  • Preço inicial: R$ 2,50
  • Preço por km: R$ 1,20 x 5,3 km = R$ 6,36
  • Preço por min: R$ 0,17 x 12 min = R$ 2,04
  • Taxa Municipal: R$ 0,10 x 5,3 km = R$ 0,53

A Uber acredita que Goiânia deu um passo em direção a uma regulação para a mobilidade urbana compartilhada no Brasil. Hoje, a Uber reafirma que segue com sua missão de oferecer, ao simples toque de um botão, uma opção de mobilidade acessível e eficiente para seus usuários.

Nem tudo são flores, mas fiquei feliz por essa conquista. E você, ainda não tem cadastro na Uber? Que tal ganhar R$ 5 GRÁTIS nas duas primeira viagens? Use o código z4njx19aue  e garanta seu desconto.

Leia também:

Minhas novas experiências com a Uber

Requisitos para avaliar sua viagem com o Uber



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Um pensamento em “Regulamentação do Uber em Goiânia